PQTV – Programa Qualidade de Vida no Trabalho Cuidando da saúde e bem estar do colaborador

A qualidade dos produtos e serviços que a empresa disponibiliza aos clientes sempre foi algo mais importante da organização, e ao longo do tempo, as empresas começaram a investir também na qualidade de vida do trabalhador, pois viram que o bem estar do seu funcionário reflete em vários aspectos da organização, incluindo a produtividade e administração de custos. Qualidade de vida: Segundo Drucker (1981), Define-se “Avaliação qualitativa relativa das condições de vida incluindo atenção aos agentes poluidores, barulho, estética, complexidade etc..“ Segundo Berlanger (1992), Define-se “Melhorar as condições de trabalho do modo a proporcionar aos indivíduos melhores condições de vida e cargos mais satisfatórios para a própria pessoa com reflexos na produtividade” Segundo Walton (1973), Define-se “Atendimento de necessidades e aspirações humanas, baseado na idéia de humanização e responsabilidade social da empresa. Foco no poder das pessoas.” Mas o que é Gestão da Qualidade de Vida no Trabalho? Qualidade de Vida no Trabalho é o conjunto de ações de uma empresa que envolve a análise e implantação de melhorias através de inovações gerenciais, tecnológicas e estruturais no ambiente de trabalho, refletindo na vida pessoal do trabalhador, melhorando o desempenho, produtividade e contribuindo para um melhor clima organizacional. Reflexos: Pesquisas recentes demonstram que as empresas que se preocupam com a Qualidade de Vida do trabalhador, evitam maiores problemas com faltas ao trabalho, desmotivação, acidentes de trabalho e problemas de saúde. Veja a seguir a lista com alguns dos objetivos do PQVT:

  • Aumento da produtividade.

  • Empregados mais alertas e motivados.

  • Melhoria da imagem corporativa.

  • Melhoria das relações humanas e do clima organizacional.

  • Redução dos índices de doenças

  • Facilita o recrutamento e retenção do pessoal

  • Redução de fadiga e acidentes de trabalho e doenças ocupacionais.

  • Alavancar o processo de formação e de desenvolvimento humano, agregando as competências.

Segundo CHIAVENATO (2008, pg 168) afirma: As organizações não operam na base da improvisação. Nem funcionam ao acaso. Elas são intencionalmente criadas para produzir alguma coisa: serviços, produtos, ou o que seja. Para tanto, utilizam energia humana e não humana para transformar matérias primas em produtos acabados ou serviços prestados. Embora possuam coisas físicas e inanimadas, como edifícios, salas, máquinas e equipamentos, instalações, mesas, arquivos, etc., as organizações são, afinal de contas, constituídas por pessoas. Elas somente podem funcionar quando as pessoas estão em seus postos de trabalho e são capazes de desempenhar adequadamente os papéis para quais foram selecionadas, admitidas e preparadas.

Featured Posts
Posts em breve
Fique ligado...
Recent Posts
Archive
Search By Tags
Nenhum tag.
Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Social Icon

© 2020 por Positiva Recursos Humanos

WhatsApp Business: 51. 99247 - 7791